Artigos de Outras Especialidades

JULHO VERDE

CAMPANHA NACIONAL DE PREVENÇÃO DO CÂNCER DE
CABEÇA E PESCOÇO

O dia 27 de julho foi definido como o Dia Mundial do Câncer de Cabeça e Pescoço


Sociedade Brasileira de Cirurgia de Cabeça e Pescoço
A data de 27 de julho foi escolhida como Dia Mundial do Câncer de Cabeça e Pescoço pela IFHNOS (sigla em inglês para Federação Internacional das Sociedades Oncológicas de Cabeça e Pescoço). O Julho Verde promove a conscientização sobre a importância da adoção de hábitos de vida saudáveis, a fim de evitar o aumento nas chances de desenvolver esse tipo de câncer.

Entre os principais tipos de câncer de cabeça e pescoço estão o câncer de boca, faringe, laringe e tireoide, sendo esse último mais comum nas mulheres, enquanto os outros tipos atingem homens em sua maioria. A associação do tabagismo com o alcoolismo multiplica as chances de surgimento destes tipos de câncer.

Assim como outros, os cânceres de cabeça e pescoço podem ter grandes chances de cura, se diagnosticados ainda em fase inicial. Tumores pequenos apresentam taxa de cura acima de 90%.

Você sabe o que é o Câncer de Cabeça e Pescoço (CCP)?

O Câncer de Cabeça e Pescoço compreende os tumores localizados na cavidade oral, nasofaringe, orofaringe, hipofaringe, laringe, cavidade nasal, seios paranasais e glândulas salivares. Apesar de ter incidência de 772 mil novos casos no mundo, a doença ainda é pouco conhecida, o que dificulta o diagnóstico precoce e a qualidade de vida dos pacientes.

Principais fatores de risco:

- Álcool: o consumo de álcool aumenta o risco. Mais de 3 unidades para homens e 2 para mulheres por dia já faz a diferença.
- Cigarro: os fumantes têm mais chances de desenvolver a doença.
- HPV: está associado a alguns tipos de cânceres de cabeça e pescoço, como o de orofaringe, que envolve particularmente as amigdalas ou a base da língua.

Sintomas

Os principais sinais que devem ser observados são:
1. Lesões na cavidade oral ou nos lábios que não cicatrizam por mais de 15 dias;
2. Manchas/placas vermelhas ou esbranquiçadas na língua, gengivas, palato (céu da boca) e mucosa jugal (bochecha);
3. Nódulos (caroços) no pescoço;
4. Rouquidão persistente.

Nos casos mais avançados observa-se:
- Dificuldade na mastigação e na deglutição;
- Dificuldade na fala;
- Sensação de que há algo preso na garganta.


PERGUNTAS FREQUENTES

Qual exame tenho que fazer para obter o diagnóstico?


O diagnóstico de câncer começa com o exame físico realizado pelo médico clínico e pelo cirurgião de cabeça e pescoço. Para cada caso, podem ser necessários exames complementares como ultrassonografia, biópsia, punção aspirativa ou tomografia computadorizada, por exemplo.

Nunca fumei e fui diagnosticado com câncer de boca. Por que?


A maioria das pessoas que desenvolvem câncer na boca são aquelas que fumam ou abusam do álcool, porém, há casos, em menor proporção, de pessoas que nunca fumaram ou nunca beberam e que podem desenvolver a doença. Estudos apontam para outros fatores de risco nessa população, como a falta de higiene oral, próteses dentárias e a infecção oral pelo papilomavírus (HPV).


O paciente diagnosticado com câncer de laringe terá que usar traqueostomia para sempre?


Não necessariamente. Quanto mais precoce o tumor de laringe for diagnosticado, maior a chance de cura e menor a chance de traqueostomia. A traqueostomia definitiva acontece na minoria dos pacientes com câncer de laringe.


É verdade que que quem retira a laringe, nunca mais volta a falar?


Isso não é verdade. Mesmo com a retirada total da laringe, há a possibilidade de a pessoa voltar a falar. Existem muitas maneiras de se voltar a falar, com o uso de próteses ou o desenvolvimento de uma outra forma de voz. O fonoaudiólogo é quem irá auxiliar na reabilitação desse paciente.


Qual a chance de cura do Câncer de Cabeça e Pescoço?


Quanto mais rapidamente for diagnosticado, maior a chance de cura. Os tumores pequenos e localizados apresentam taxa de cura superior a 90%, enquanto os de grandes dimensões ou com linfonodos comprometidos (raízes do tumor primário) podem levar à morte pela doença.


Fonte: Dr. Fernando Walder - Presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia de Cabeça e Pescoço

Mais de saúde

  • Também promovemos a Festa de Natal
  • Também promovemos a Festa de Natal
  • Também promovemos a Festa de Natal

Também promovemos a Festa de Natal

quero ser omint

Orientação médica

0800 726 4001

Você terá acesso à nossa Orientação Médica, disponível 24 horas, 7 dias por semana.