Você sabe o que é labirintite emocional?

Diferente de uma labirintite comum, a doença possui causas emocionais que devem ser tratadas por um psicólogo ou psiquiatra.

Publicado por administrator

1 de setembro de 2020

O labirinto é uma estrutura óssea localizada na parte interna de ambos os ouvidos. Sua infecção é o que chamamos de labirintite. Em algumas situações, a doença é causada por desiquilíbrio emocional e por isso que ela é chamada de labirintite emocional.

Neste texto aprofundaremos pontos importantes como causas, sintomas e tratamentos:

 

  1. Quais são as causas da labirintite emocional.
  2. 5 Formas de lidar com o estresse e ansiedade.
  3. Principais sintomas.
  4. Como funciona o tratamento?
  5. Existe remédio caseiro para labirintite emocional?

 

Veja o conteúdo também em nosso infográfico:

 

1. Quais são as suas causas

Como dito anteriormente, a labirintite emocional é causada por situações de desequilíbrio emocional, como por exemplo, crises de ansiedade, excesso de estresse no trabalho e episódios traumáticos, que podem desencadear em um quadro de depressão ou crise de pânico.

Ou seja, uma vida desequilibrada pode causar a vertigem e diminuição de equilíbrio.

 

2. 5 Formas de lidar com o estresse e ansiedade

Estas são as principais causas da labirintite emocional e presentes na vida de muitas pessoas. Por isso, é primordial diminuir as pressões internas e externas que atuam sobre você. Confira dicas de como fazer isso:

1. Tempo para o lazer: a vida não é apenas trabalho. Tire um tempo diário para fazer o que você gosta, com quem mais gosta. Divirta-se!

2. Exercite-se: Uma das atividades para a opção acima é a prática esportiva. Além de liberar endorfina para aumentar seu bem-estar, ela diminui a quantidade do cortisol no corpo, hormônio ligado ao estresse.

3. Descanse: Parece bobagem, mas uma noite bem dormida pode ser uma ótima solução para combater o estresse e a ansiedade. Procure ter noites de sono de 7 a 8 horas seguidas.

 

Você cuida da sua fábrica de melatonina? Descubra em nosso Instagram

 

4. Otimize seu tempo: Use-o da melhor forma. Elenque suas tarefas e objetivos, sejam eles diários, mensais, ou até anuais. Dependendo da complexidade de cada um, vale dividi-los em pequenas etapas para gerar a sensação de progresso. Comprar um planner é uma ótima pedida.

5. Faça terapia: Busque o autoconhecimento. Entender a fundo seus problemas e anseios é a chave para solucioná-los. Além disso, seu terapeuta pode lhe ensinar diversas técnicas de relaxamento.

 

3. Principais sintomas

Os sintomas da labirintite emocional são muito similares aos de uma labirintite convencional:

– sensação de pressão e zumbido no ouvido;

– secreção no ouvido;

– diminuição do equilíbrio;

– tonturas e náuseas;

– dor de cabeça;

– dor de garganta;

– queda de cabelo.

 

4. Como funciona o tratamento?

Ao sentir os sintomas mencionados é aconselhado que você procure um otorrinolaringologista. Além disso, é fundamental o acompanhamento psicológico ou psiquiátrico em busca de solucionar a origem da doença.

O tratamento pode ser feito sem o uso de medicamentos em casos leves e moderados.

Também pode ser recomendado procurar por outros profissionais para adicionar em seu tratamento, como por exemplo o acupunturista.

 

5. Existe remédio caseiro para labirintite emocional?

Existem algumas formas simples de aliviar os sintomas da doença:

– Compressa sobre o ouvido para aliviar a dor;

– Um gargarejo com água salgada pode aliviar a dor de garganta;

– Sente-se ereto para drenar a mucosa da orelha.

Além disso, você pode melhorar seus hábitos e torná-los mais amistosos para seu labirinto. Confira:

– Evitar lugares barulhentos que possam inflamar mais o labirinto;

– Relaxe. Faça massagens alguma vez na semana ou sempre que possível;

– Aumente seu consumo de peixes e castanhas. Ômega 3 é uma ótima pedida;

– Chás calmantes, como de camomila, podem ajudar a tranquilizar a rotina.

Porém, é importante ressaltar: nenhuma dessas dicas excluem o tratamento com os médicos indicados ao longo desse texto. Lembre-se, o mais importante de tudo é você estar sempre em equilíbrio com as suas emoções e bem consigo mesmo.

Deixe seu comentário

Comentário enviado para a moderação.

Por favor aguarde!

Assine nossa Newsletter

E-mail cadastrado com sucesso